Restaurante “Reserva VIVIX” é um cubo de vidro flutuante na CASACOR Pernambuco 2019

Projeto do escritório Dubeux Vasconcelos Arquitetura em parceria com a Vivix Vidros Planos une sustentabilidade e tecnologia atual em sua construção

Em projeto sofisticado e inovador assinado pelos arquitetos Luiz Dubeux e João Vasconcelos, sócios do escritório Dubeux Vasconcelos Arquitetura, o restaurante Reserva VIVIX, assinado pelo Tapa de Quadril, é o ambiente de destaque da CASACOR Pernambuco 2019, ocupando a maior área da 22ª edição da mostra com 150 metros quadrados. A integração com a natureza externa que abraça o restaurante é proporcionada pelo uso do vidro da linha VIVIX Performa Duo, na cor verde intenso, que compõe toda a fachada da edificação, inclusive o teto, causando um efeito de transparência ou reflexo, a depender do foco da luz do dia. O grande diferencial arquitetônico do projeto é unir sustentabilidade, sistemas construtivos limpos, tecnologia de ponta, mobiliário exclusivo e estética contemporânea em sua concepção.  

Ao cair da noite os visitantes serão surpreendidos, quando em uma ilusão de ótica poderão enxergar o restaurante Reserva VIVIX flutuando no espaço. É que a estrutura da edificação é suspensa a 30 cm do piso e rodeada por uma fita de LED que será acesa à noite, proporcionando a impressão de que o estabelecimento está solto no ar, como um cubo de vidro flutuante. “O efeito se torna ainda mais mágico com a tonalidade do verde intenso do vidro VIVIX Performa Duo, que transmite leveza à proposta do restaurante”, ressaltam os arquitetos Luiz Dubeux e João Vasconcelos.

Apostando no conceito de explorar ao máximo a verdade dos elementos naturais na construção e na ambientação do espaço, preservando 100% a vegetação existente, o restaurante foi locado entre as árvores do casarão, valorizando os coqueiros e as mangueiras presentes. “Nós acreditamos que o projeto tem uma vida longa quando utilizamos a verdade dos materiais. Estamos utilizando vidro, madeira, o verde da natureza e a água. Evitamos o ‘fake’ que hoje em dia existe muito. O projeto tem atemporalidade quando os materiais são naturais”, explicam os arquitetos.

Os métodos utilizados para tirar o projeto do papel em curto prazo também chamam a atenção do setor de arquitetura e construção. Em apenas 40 dias, a dupla de arquitetos iniciou a instalação e entregou o restaurante Reserva VIVIX à CASACOR PE, com estrutura totalmente montada e decoração concluída, graças ao uso de modernas tecnologias. “Fizemos um link da nossa forma de enxergar a arquitetura com o projeto do restaurante. O nosso estilo é uma arquitetura muito limpa, muito direta, sem firulas. Tudo tem um motivo de estar ali, cada material escolhido, cada elemento tem uma razão de ser. Buscamos uma composição estética mais equilibrada, mais funcional, e proporcionamos soluções construtivas aos projetos. Então, entregamos um restaurante completo em apenas 40 dias de forma prática, rápida e sustentável”, detalham os arquitetos.

Logo na entrada do restaurante Reserva VIVIX há uma cascata de água recepcionando os visitantes da mostra, em uma experiência multissensorial. O som da queda das águas se faz música aos ouvidos, um verdadeiro convite a mergulhar no espaço. Adentrando o ambiente, na lateral, uma adega de vinhos poderá ser vista dentro e fora do ambiente, com abertura que permite a visão das garrafas de ambos os lados, efeito esse proporcionado pela transparência do vidro VIVIX Performa Duo que rodeia toda a fachada do restaurante.

Continuando o passeio temos um bar espaçoso, com um painel escalonado revestido pela pedra natural e brasileira Quartzito Silver, em diferentes tons de cinza, e o vidro da linha VIVIX Decora preto em uma proposta mais intimista. No lounge haverá uma parede toda de espelho da linha VIVIX Spelia na cor cinza, para dar uma alongada no espaço. O mobiliário desse ambiente, todo na cor preta, é assinado pelo designer Jader Almeida.

O piso em porcelanato fosco do salão principal é listrado nas cores cinza e azul marinho, fazendo um contraste harmônico entre o brilho do vidro e a opacidade da cerâmica. Das doze mesas que acomodam os visitantes no salão, três são assimétricas, e todas são feitas de vidro laminado da linha VIVIX Lamina translúcido. Todo o resto do mobiliário foi pensado em tons de azul, para reforçar a dobradinha azul e branco com as mesas. Ainda no salão principal, os pendentes que também têm assinatura dos profissionais, terão a aparência de uma “chuva de diamantes”, com o emprego de mais de 30 unidades deles.

Erro. Verifique o preenchimento dos campos e tente novamente. 

Cadastro realizado com sucesso!